Buscar
  • Shod Esportes

ANO NOVO: JÁ PLANEJOU SEU 2020 ESPORTIVO?

A cada início de semana (segunda feira eu começo!!!), de mês (mês que vem inicio!!!) ou, principalmente de ano ( Ah, ano que vem eu farei diferente!!!) é sempre a mesma situação: prometemos a nós mesmos uma série de coisas que não conseguimos cumprir.


Quais foram suas últimas promessas, do início de 2019?, do início de dezembro passado, ou da penúltima segunda feira? Registrou isso? Nem lembra mais? Pois é!! Promessas ao vento!! Precisamos nos comprometer com nós mesmos!!! Então primeira tarefa: registre em um papel que fique em sua cabeceira ou geladeira as suas promessas para 2020 ou para a próxima segunda feira, dia 06. Crie este compromisso com você mesmo!!!


Pensando esportivamente não é diferente. Ao não estipularmos alvos durante o ano ficamos perdidos em como e quanto treinar. Para isso é de vital importância listar as principais provas ou objetivos a serem alcançados a curto (mês que vem), médio (final do semestre) e longo prazo ( 1 a 4 anos).



Diz a literatura científica esportiva que quanto menos treinado você está, mais treinavel vc é. Ou seja, quase tudo que vc fizer te ajudará a melhorar. Mas nem por isso o resultado poderá ser o sucesso, pois, normalmente, como o iniciante evolui muito rápido, "vai com muita sede ao pote". Isso acontece por falhas na programação do treinamento, e muitas vezes sem planejamento algum, levando a uma maior possibilidade de lesões que surgem nesta população de esportistas.


Os mais experientes já passaram por isso, e já sabem que não se pode aumentar abruptamente a quantidade de quilômetros rodados ou a intensidade dos treinos, tendo que respeitar a capacidade de adaptação do organismo a cada elevação da carga de treino. Neste caso a máxima é a seguinte: quanto mais treinado um indivíduo está, menos treinável ele é, ou seja, para evoluir demandará um tempo muito maior (médio e longo prazo) ou diferentes estratégias de treinos terão que ser tulizadas, pois seu organismo está mais próximno de seus limites. Muitas vezes um velociista necessita de um ciclo olímpico para baixar 0,2 segundos, ou até mesmo 0,1 segundo, tempo necessário para obter uma medalha ou o recorde mundial da competição.


Para isso temos o planejamento esportivo que nos ajuda a programar a forma como o treino evoluirá buscando o aumento de sua performance seja para completar os seus primeiros 5 km, correr uma maratona, ou vencer um Ironman.


E por que se fala tanto em planejamemento? Hreljac (2004) afirma que 60% das lesões são decorrentes de falhas no treinamento. As falhas no treinamento acontecem por mal planejamento ou pela inexistência deste em cada início de temporada. Portanto, planejamento pode ser o início de um ano com menos lesões. Obviamente que não somente isso determina a ocorrência de lesões, mas tem um peso bastante grande na integridade esportiva de um atleta seja ele amador, e principalmente, o profissional.




Qual a saída para isso? Planejar-se, programar-se, corrigir este planejamento de acordo com sua evolução, muitas vezes alterar objetivos, priorizar determinadas provas em detrimento de outras. Tudo isso visando a sua integridade, primeiro como ser humano visando sua saúde, e depois como atleta visando sua evolução e longevidade.


A este planejamento da-se o nome de periodização, definindo seria algo como "O processo de treino com uma divisão da época em ciclos muito concretos, executados segundo uma ordem lógica e com uma duração determinada, sendo apoiada no calendário competitivo e nos objetivos definidos para cada uma das etapas"(Silva, 2019)




Portanto é de vital importância sentar com seu treinador, ou se não tiver um contratar algumque possa, juntamente com você, montar com você um planejamento de toda a temporada, determinados pontos de viabilidade em seus objetivos, organizando-os. Assim como, determinar a evolução a ser feita durante todo ano em termos das cargas e formas de treino para alcançar seus objetivos. E, além disso, mês a mês, reavaliar a real efetividade do planejamento, e se for o caso, propor mudanças para o sucesso e obtenção das metas pensadas nesta semana deste início de ano.


Consulte um professor de educação física especialista em treinamento esportivo. Ele ajudará você a ser mais acertivo em suas metas, organizando como conseguir alcança-las.


Quer bater um papo à respeito? Clique em nosso logo abaixo e trocamos umas idéias de como este planejamento pode ser realizado.




Referências Bibliogáficas.


SILVA, Fátima Negri Pinto da. Caracterização, planeamento e metodologia de treino numa ultramarotona de montanha. 2019. PhD Thesis.


HRELJAC, Alan. Impact and overuse injuries in runners. Medicine and science in sports and exercise, 2004, 36.5: 845-849.







41 visualizações

© 2019 by Shod Esportes. Proudly created with Wix.com

  • White Facebook Icon
  • White Twitter Icon
  • White YouTube Icon
  • White Instagram Icon